PANORAMA LAATUS BRASIL @laatus
São Paulo, quarta-feira, 02 de Outubro de 2019

Parte 1
A agenda de indicadores e eventos desta quarta-feira prevê a votação de destaques ao texto base da reforma da Previdência, aprovado no plenário do Senado em primeiro turno ontem à noite. No exterior, estão previstos o relatório da ADP sobre a geração de postos de trabalho no setor privado dos Estados Unidos, os discursos dos presidentes do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) da Filadélfia, Patrick Harker, e de Nova York, John Williams. Além disso, o premiê do Reino Unido, Boris Johnson, fala ao Parlamento britânico.

Brasil
Em meio às pressões de senadores contra o governo por mais recursos aos Estados, o Senado impôs uma derrota à equipe econômica e retirou todas as mudanças que seriam feitas nas regras do abono salarial. A alteração retirou R$ 76,4 bilhões da economia esperada em dez anos com a reforma.

A proposta aprovada na Câmara dos Deputados restringia o pagamento do benefício, no valor de um salário mínimo (R$ 998), a quem recebe até R$ 1.364,43 por mês. Com a derrota no Senado, ficam valendo as regras atuais, que garantem o repasse a quem ganha até dois salários mínimos.

A votação em separado desse dispositivo foi solicitada pela bancada do Cidadania. O governo precisava garantir 49 votos favoráveis ao trecho, mas só teve 42 apoiadores. Pela derrubada da alteração, foram 30 senadores.

O Senado ainda pode promover alterações no texto da reforma da Previdência que drenariam mais de R$ 200 bilhões adicionais da economia esperada com a proposta em uma década.

Com a derrota, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), encerrou a sessão e prometeu retomar nesta quarta pela manhã, às 11h. Ainda restam seis destaques em separado.

O PT tenta retirar da reforma as mudanças nas regras para pensão por morte, que passa a conceder 50% do salário de benefício mais dez pontos porcentuais por dependente. As mudanças na regra da pensão devem ter impacto próximo de R$ 100 bilhões em dez anos.

O Podemos propôs um destaque da reforma as regras de transição e o pagamento de pedágio para aposentadoria de quem já está no mercado de trabalho. O impacto da mudança seria uma desidratação superior a R$ 109 bilhões.

Petroleo
Os contratos futuros do petróleo operam em leve alta na manhã desta quarta-feira, buscando se recuperar de perdas de 0,60% a 0,80% da sessão anterior, após o American Petroleum Institute (API) estimar no fim da tarde de ontem que o volume de petróleo bruto estocado nos EUA sofreu queda de 5,9 milhões de barris na última semana. Na manhã de hoje, o Departamento de Energia (DoE) norte-americano divulga levantamento oficial sobre estoques e produção.

Agenda quarta-feira, 02 de outubro de 2019

09:30 – BRL/BC: LEILÃO DE VENDA À VISTA DE DÓLARES DAS 9H30 ÀS 9H35 DE US$ 525 MILHOES
09:30 – BRL/BC: OPERAÇÃO DE SWAP CAMBIAL REVERSO DAS 9H30 ÀS 9H35 DE US$ 525 MILHOES

09:15 EUA/Variação de Empregos Privados ADP (Sep) 140K 195K
10:00 EUA/Discurso de Harker, membro do FOMC
11:30 EUA/Estoques de Petróleo Bruto 1,567M 2,412M
11:30 EUA/Estoques de Petróleo em Cushing 2,256M
11:50 EUA/Discurso de Williams, membro do FOMC

primeira semana: (Boa)
Índices Mundiais: (+)
Índice Dólar: (+/-)
Posição estrangeiros: (++) Posição dos Estrangeiros no contrato X19 +132.625
Notícias Locais: (+/-)
S&P: (+)
Petróleo: (+/-)

Fechamento DOLX19: 4.166,50
Ajuste anterior DOLX19: 4.158,40
Ajuste DOLX19: 4.169,38

Panorama é um canal aberto e todos são muito bem vindos!
Link do panorama: https://t.me/joinchat/AAAAAD3hFpezBxsfrrqVzA

Conheça o Grupo LAATUS

Home

http://www.laatussummit.com.br/
Instagram: https://www.instagram.com/laatus/
Instagram: https://www.instagram.com/jeffersonlaatus/
Instagram: https://www.instagram.com/laatussummit/
Spotify: http://bit.ly/spotify-laatus

PANORAMA LAATUS BRASIL @laatus